Violência contra a mulher

4 de Julho de 2009

Assistente social foi torturada dentro de casa, pelo companheiro

Veja o CFESS Manifesta: Pelo fim da violência contra a mulher

Ela pediu pra não ser identificada. No dia 26 de junho, seu companheiro, Adalberto França Araújo Filho, fez cortes de faca no seu rosto, jogou leite fervendo pelo seu corpo, quebrou-lhe os punhos e disparou um tiro no seu ventre.

Não querer revelar o nome tem suas razões conhecidas. O medo e o constrangimento costumam atingir as mulheres vítimas de violência. Adalberto desconfiava que ela o traía. A tortura tinha o propósito de provocar uma confissão. A assistente social foi socorrida e não corre risco de morrer. O agressor fugiu, mas acabou preso no dia 29 de junho.

O CRESS-BA emitiu nota pública sobre o caso e comunicou o CFESS. Neste dia 2 de julho, Dia da Independência da Bahia, uma manifestação organizada pelo CRESS deve reunir dezenas de assistentes sociais nas ruas de Salvador.

Conselheiras do CFESS estão revoltadas com a violência. Uma edição extraordinária do CFESS Manifesta torna pública essa indignação, e fala em defesa da mulher e das profissionais deste Conselho.

Veja o CFESS Manifesta.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: